Grupo Fiat começará a produzir motor 1.8 no Paraná


O grupo Fiat, por meio da empresa FPT - Powertrain Technologies é o novo dono da fábrica de motores da Tritec Motors, em Campo Largo, no Paraná.

A unidade, que foi fundada em 1997 pela Chrysler e a BMW, fornecia motores para o PT Cruiser, da Chrysler, e para o Míni, da BMW, feito na Inglaterra, mas estava sem produzir desde junho do ano passado. Tinha capacidade para produzir 130 mil motores por mês.

A FPT investiu R$ 250 milhões na compra, incluído nesse montante o custo de desenvolvimento da linha de motores que vai produzir um motor 1.8 a gasolina e flex, além dos motores que já eram feitos na unidade, o 1.4 e 0 1.6.

A reativação da fábrica vai gerar 500 novos empregos diretos e 1.500 novos empregos indiretos, segundo a Fiat. Alfredo Altavilla, presidente mundial da FPT, disse que a compra da fábrica de Campo Largo vai permitir à empresa o alcance de dois objetivos estratégicos: a ampliação da atual gama de produtos, oferecendo motores modernos e competitivos, e ampliar as vendas para novos clientes.



Comentários