Yaskawa fornece soluções para CM Indústria

Qualidade e alta precisão são pré-requisitos indispensáveis para fabricação de qualquer produto. Mas no caso das lentes oftálmicas, esses cuidados ganham dimensão ainda maior, uma vez que qualquer erro pode comprometer e até mesmo colocar em risco a saúde humana.

Mantendo-se atenta a isso e com foco no fornecimento de equipamentos altamente confiáveis e de última geração, a CM Indústria e Comércio adquiriu recentemente 100 conjuntos de servo-acionamentos SGMAH  08AAF41, da Yaskawa Elétrico do Brasil que estão sendo empregados para automação das máquinas geradoras de curvas esférico-cilíndricas modelos CM 8000 e CM 9000.


Luis Henrique Haubrich, diretor da CM, destaca que essas duas linhas de máquinas são voltadas para laboratórios oftálmicos e empresas fabricantes de lentes que as utilizam para geração de superfícies côncavas ou convexas. Capazes de gerar curvas esféricas, tóricas ou prismáticas, esses equipamentos também são empregados para reduzir o diâmetro de blocos para formato circular ou corte horizontal e, ainda, para retífica de moldes de alumínio ou materiais plásticos.

Toda a operação pode ser programada por meio do Comando Numérico Computadorizado (CNC). “São produtos de ótima aceitação num mercado que cada vez mais exige soluções automatizadas e de alta produtividade. Vendemos, em média, de cinco a seis máquinas por mês”, destaca Haubrich.

Para imprimir maior agilidade aos equipamentos dessas linhas foram empregados os servo-motores SGMAH que, segundo explica Johny Lima,  engenheiro de aplicação da Yaskawa, possuem baixa inércia, o que garante acelerações extremamente rápidas e alta produtividade. Apenas para base de comparação, enquanto uma máquina convencional consegue produzir 80 pares de lentes por dia, a automatizada produz cerca de 280 pares/dia em média.  Mas o maior benefício propiciado por esses dispositivos, segundo Haubrich, é a alta precisão.

 “Nas máquinas convencionais isso depende da habilidade do operador e, nesse sentido, não há como manter uma uniformidade nos resultados. Nos equipamentos automatizados (CNCs), ao contrário, pode-se obter a precisão de forma constante, além de se eliminar o erro humano”, ressalta.

Como uma empresa 100% nacional, criada em 1961 inicialmente para fabricar máquinas para uso restrito de uma grande rede de ópticas, a CM diversificou sua atuação com o passar do tempo e hoje figura como a maior fabricante de equipamentos para surfaçagem de lentes oftálmicas em toda a América Latina.

No Brasil, a empresa detém mais de 80% do mercado, atendendo basicamente aos laboratórios ópticos especializados e às redes de óptica que possuem produção própria de lentes. Localizada em Petrópolis, no Estado do Rio de Janeiro, a CM emprega atualmente cerca de 90 colaboradores e responde por uma produção anual da ordem de 450 máquinas, voltadas para os mercados brasileiro, europeu, latino-americano e do Oriente Médio.

Pioneira no segmento, a CM passou a fabricar máquinas automatizadas a partir de 1994 e a  parceria técnica com a Yaskawa teve início em 2004, mantendo-se até hoje. “Só trabalhamos com fornecedores top de linha e reconhecidos pela qualidade dos seus produtos. A Yaskawa está inserida nesse rol e destaca-se também pelo ótimo atendimento que nos presta”, conclui Luis Henrique Haubrich.

Saiba mais sobre a  Yaskawa.



Comentários