Embraer já fechou cinco contratos na feira de Dubai

Fonte: Gazeta Mercantil - 13/11/07

A edição de 2007 da feira Dubai Air Show, iniciada no dia 11 de novembro, se tornou uma das principais vitrines para os jatos da Empresa Brasileira de Aeronáutica (Embraer) para o mercado árabe. Em dois dias foram fechados cinco contratos nos segmentos da aviação executiva e comercial, envolvendo até o momento 39 jatos e US$ 947 milhões em vendas firmes.

A direção da Embraer espera encerrar o evento, que termina dia 15, com novos contratos, principalmente na aviação executiva. Caso todas as opções de compra já contratadas sejam exercidas, o faturamento alcançará US$ 1,9 bilhão, 65 jatos vendidos. Além dos países árabes, a Espanha e a Nigéria adquiriram aviões brasileiros.

O contrato com a NAS Air, da Arábia Saudita, foi firmado para a venda de cinco jatos comerciais Embraer 190, com opção para outros cinco. O acordo ainda prevê os direitos de compra para mais 12 jatos 190. O valor total do negócio, pelo preço de tabela, é de US$ 172,5 milhões, nas condições econômicas de janeiro de 2007. Entretanto, pode alcançar a US$ 759 milhões, se todas as opções e direitos de compra forem exercidos.

A companhia aérea Virgin Nigeria adquiriu oito jatos comerciais Embraer 170 e duas unidades do 190. As negociações incluem também opções para outros seis jatos e direitos de aquisição para outros oito aviões. O valor do pedido firme é de US$ 301 milhões, mas pode atingir US$ 800 milhões caso todas as seis opções e os direitos forem confirmados.

O primeiro contrato em Dubai com a Europa veio do grupo espanhol Globalia. Foram comprados 11 jatos executivos. O valor total do negócio é de US$ 62,31 milhões. Os aparelhos serão operados pela subsidiária Pepe Jets.A Falcon Aviation Services, dos Emirados Árabes, encomendou oito jatos executivos, em um a transação de US$ 145,78 milhões. Esta encomenda foi incluída na carteira de pedidos firmes da Embraer.

A Embraer também assinou contrato com a Al Jaber Aviation, dos Emirados Árabes, para a venda de sete jatos executivos. São cinco Lineage 1000 e dois Legacy 600. A empresa árabe optou ainda por adquirir futuramente outros dois Lineage 1000 e mais um Legacy 600. O valor total do acordo é de US$ 265,57 milhões e há possibilidades de chegar a US$ 377 milhões, caso todas as opções sejam exercidas.

Mais informações sobre a Embraer clique aqui

Saiba mais sobre a Dubai Air Show aqui



Comentários