Raízen investirá R$ 300 milhões em planta de biometano em São Paulo

A inauguração está prevista para 2023.

Recentemente, a Raízen anunciou a construção de sua primeira planta dedicada à produção de Biometano. De acordo com a Reuters, a companhia investirá cerca de R$ 300 milhões na unidade que ficará anexa ao Parque de Bioenergia Costa Pinto, em Piracicaba (SP), onde já opera a planta de etanol de segunda geração (2G).

Com inauguração prevista para 2023, a usina terá capacidade para produzir 26 milhões de metros cúbicos do gás natural renovável por ano, o volume tem potencial para abastecer cerca de 200 mil clientes residenciais. No entanto, toda a produção da nova planta será comercializada para a Volkswagen do Brasil e para a Yara Brasil Fertilizantes, em contratos de longo prazo.

"Este projeto amplia nosso portfólio de soluções em energia limpa e renovável, reforçando o papel de liderança na transição energética do país gerando valor para clientes, consumidores, fornecedores e acionistas", afirma a companhia no comunicado.




Comentários