Campanha quer aumentar a exportação de máquinas

Fonte: Secom/DF - 30/10/07
    
A Agência de Promoção de Exportações e Investimentos (APEX-Brasil), ligada ao Ministério de Indústria e do Comércio, e a Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq) irão investir R$ 17,2 milhões em dois anos na promoção internacional de bens de capital brasileiros. A 16ª edição Projeto Setorial Integrado (PSI) Máquinas e Equipamentos é o maior dos projetos já assinados até hoje, tanto em valores como em tempo de vigência.

O objetivo é elevar as exportações de máquinas de US$ 123,5 milhões, em 2006, para US$ 142 milhões até junho de 2010. Outra meta é incluir, no mínimo, 42 novas empresas na lista de exportadoras participantes do projeto. Atualmente, são 74.

A tarefa será mostrar que o Brasil é uma opção de fornecimento confiável, com produtos de qualidade, por meio de reuniões entre importadores estrangeiros com fabricantes brasileiros. Serão investidos recursos também no aluguel e montagem de estande em 21 feiras no exterior.

Além de organizar missões empresariais internacionais, o acordo prevê a realização de oito Projetos Comprador, que consistem em trazer estrangeiros para conhecer fabricantes brasileiros. Serão convidados também jornalistas estrangeiros especializados no setor.

Em paralelo às vendas, o fortalecimento da imagem do setor dá continuidade à campanha de marketing internacional da Abimaq, batizada de "We Know How" (Nós sabemos fazer).

O programa não pretende se limitar a mercados conhecidos, mas exportar para regiões pouco tradicionais, como Ásia e África. Já estão programadas, por exemplo, no primeiro semestre de 2008, a participação de empresas de bens de capital no Projeto Vendedor, na China, e na Feira Nampo Show, na África do Sul.
Tópicos:
  



Comentários