Cisabrasile conquista certificado internacional ASME

Unidade brasileira da Cisa se consagra como o primeiro fabricante nacional de vasos de pressão para autoclaves a obter os certificados internacionais ASME e PED

A Cisabrasile acaba de conquistar a certificação ASME, American Society of Mechanical Engineers. Essa informação ratifica a empresa como a primeira fabricante nacional de vasos de pressão para autoclaves certificada tanto pela norma americana, a ASME, quanto pela norma europeia, a PED, Pressure Equipment Directive.

Ao legitimar ASME e PED, a Cisa atinge o nível máximo em certificação mundial para o segmento.

Além do alto rigor na produção, a conquista dos dois certificados mais relevantes para o segmento confirma a precisão, a qualidade e a segurança aos vasos de pressão produzidos pela Cisa, que são utilizados em hospitais, laboratórios e indústrias espalhadas por todo o Brasil e por diversos outros países do mundo.

A importância global da ASME

O diretor superintendente da Cisabrasile, Gilson Teixeira Ramos, enfatiza que essa conquista fortalece ainda mais a credibilidade da Cisa junto aos mercados nacional e internacional.

Ramos reitera que a American Society of Mechanical Engineers (em português Sociedade Norte-americana de Engenheiros Mecânicos) é uma entidade de referência global, dedicada à promoção da ciência e da engenharia, à elaboração de normas e regulamentos, ao aprimoramento técnico dos engenheiros por meio de cursos, palestras, congressos e simpósios, entre outras ações igualmente estratégicas.

“A nova certificação atesta a qualidade e a segurança com que produzimos nossos equipamentos. Passamos por um amplo e criterioso processo de avaliação externa, especializada, e fomos devidamente aprovados”, declara o diretor superintendente.

Ele complementa que as normas e regulamentos técnicos da ASME são prioritárias em diversos países e a conquista deste certificado é, portanto, fundamental para quem tenciona participar do comércio internacional.

A ASME

Fundada em 1880, a ASME reúne normas de construção, inspeção e testes de equipamentos, incluindo caldeiras e vasos de pressão. 


Continua depois da publicidade


A entidade foi criada em resposta a uma série de acidentes e explosões que ocorreram a partir do aumento da mecanização e industrialização. A história registra que, entre 1870 e 1910, foram cerca de 10.000 explosões por ano, causando a morte e ferindo milhões de pessoas. Diante deste cenário, ficou clara a urgência de estudos, controle e regulamentação para fabricação de equipamentos pressurizados.

Atualmente, a ASME reúne 37 ramos específicos, dentre os quais indústria aeroespacial, ciência dos materiais, nanotecnologia, energia nuclear, transporte ferroviário, mecânica dos fluidos, vasos de pressão e gasodutos.

Segurança é palavra de ordem

Andre Wöhl, diretor Industrial da Cisa, explica que a normativa que rege a fabricação de vasos de pressão no Brasil é a NR13 e, ao obter os certificados ASME e PED, a Cisa assegura um nível de qualidade, rastreabilidade e controle na fabricação dos vasos de pressão para autoclaves bastante superior.

Wöhl afirma que a análise de risco e a questão da segurança são temas muito sérios para a Cisa. “A partir das regras exigidas para a validação desses certificados, o nosso padrão interno de produção evoluiu bastante. Quem ganha é o consumidor, em especial o nacional, que adquire um produto de acordo com as normas internacionais, que são ainda mais rigorosas e específicas quando comparadas à norma brasileira”, valoriza.

O diretor Comercial da Cisa, Marcos Alexandre Stange, complementa a fala de Wöhl ao destacar que atualmente 25% da produção da Cisa é exportada para Europa e América Latina e 75% fica no Brasil. Ele acrescenta que a partir de agora, a Cisa está preparada para oferecer vasos de pressão para qualquer país do mundo.

Qualidade, durabilidade e retorno do investimento

Stange constata mais um diferencial da Cisa em relação aos concorrentes. Ele reforça que além de garantir segurança, o fato da empresa adotar metodologias tão específicas faz com que o produto tenha mais qualidade, durabilidade e, assim, acarreta até na aceleração do ROI, ou seja, do retorno sobre o investimento.

Comprometidos, engajados e vitoriosos

O diretor superintendente ressalta que para atender às prerrogativas da ASME, a Cisa contou com o comprometimento da equipe, que se engajou verdadeiramente pelo aperfeiçoamento dos processos e para garantir a conformidade às regras exigidas.

“Sinto muito orgulho de cada integrante do nosso time, que é vitorioso. Nos unimos com um objetivo comum, importante para todos, e este movimento fez a equipe Cisa ainda mais forte, íntegra e comprometida”, argumenta.

Ramos lembra que o slogan da Cisa é We care about life. “Sim, somos uma empresa comprometida com a qualidade e, principalmente, com a segurança dos nossos produtos. Estamos falando de saúde, de vida, e o compromisso da Cisa é cuidar das pessoas”, finaliza.




Comentários