Indústria de transformação tenta recuperação para lançar produtos

A indústria de transformação, a que produz os bens de consumo mais comuns, busca recuperação frente à crise causada pela pandemia deste ano. Segundo apurou a Associação Brasileira de Automação-GS1 Brasil, o Índice GS1 Brasil de Atividade Industrial para o mês de setembro apresentou queda de 4,6% na comparação com o mês anterior no dado livre de efeitos sazonais. No acumulado de 12 meses o índice apresentou queda de 13,6%, tendência também identificada no acumulado do ano (-12,4%). O aspecto positivo está na comparação do mês de setembro de 2020 quando comparado ao mesmo mês do ano anterior, pois há aumento de 5,6%.

"Seguindo a tendência dos últimos dois meses, mesmo com a queda identificada no comparativo mensal, o índice Atividade Industrial superou o realizado no mesmo mês do ano passado", disse Virginia Vaamonde, CEO da Associação Brasileira de Automação-GS1 Brasil. "Até o momento, os resultados sugerem que o pior já passou, mas ainda não recuperamos as perdas acumuladas no ano e as empresas vivem um momento de cautela com relação às incertezas do controle da pandemia. [...] É necessário que a estabilidade do índice se mantenha nos próximos meses para que possamos confirmar a retomada das atividades e da confiança do empresariado", complementa Virginia.




Comentários