Barco-asa pilotado por inteligência artificial pronto para testes


Continua depois da publicidade


Existem diversos tipos e versões de veículos que exploram o efeito solo, de ecronoplanos e barcos voadores a carros-asa.

O efeito solo pode ser compreendido como uma asa de avião funcionando ao contrário, só que muito perto do solo. A deflexão do ar pelo solo cria uma espécie de "colchão de ar" que permite que o veículo se desloque com maior eficiência.

Um grupo de engenheiros russos anunciou agora ter inventado um novo conceito de veículo-asa, um "barco voador que é capaz de desenvolver alta velocidade e sua reserva de potência é ilimitada", dizem Alexei Maistro e seus colegas da Universidade Politécnica de São Petersburgo.

Eles o batizaram de Storm-600.

"O dispositivo literalmente flutua acima da água. Há um efeito de anteparo quando uma almofada aerodinâmica é criada sob a asa de uma aeronave. Nosso veículo com efeito asa-no-chão tem asas longas, portanto se move ao longo do próprio colchão de ar. Nas aulas de física da escola, o experimento é demonstrado quando uma bola de tênis paira no fluxo de ar do aspirador de pó: ela não cai e não voa. O mesmo princípio é usado aqui," explicou Maistro.


Continua depois da publicidade


Na verdade trata-se de um drone totalmente elétrico, que a equipe pretende usar para vigilância e como plataforma móvel para recarregar outros drones aéreos ou aquáticos.

Em relação a outros veículos do tipo asa em efeito solo, a grande vantagem foi justamente a eletrificação. Sendo impulsionado por motores elétricos alimentados por energia solar, o barco-asa ficou mais leve ao dispensar tanques e combustível líquido. E o piloto foi substituído pela tecnologia de inteligência artificial, liberando o veículo também do peso da estrutura necessária para acomodar um humano.

Barco-asa

O efeito de "reserva de potência ilimitada" a que o engenheiro se refere foi obtido recobrindo as longas asas do barco-asa com painéis solares, que alimentam baterias instaladas no interior das asas e na fuselagem principal.

Operando sob o controle de um sistema de inteligência artificial que planeja o consumo de energia, acionando "dispositivos de armazenamento especiais" - que a equipe não detalha - responsáveis por distribuir a energia, o barco-asa pode se mover continuamente sobre a água enquanto o Sol brilhar ou até suas baterias se esgotarem.

"Nós instalamos um radar a laser (lidar) no barco para treinar o veículo de efeito asa-no-solo para reconhecer os obstáculos e evitá-los. E um radar de rádio também foi adicionado para aumentar o alcance do sistema de visão para 48 quilômetros," acrescentou Maistro.

Outra vantagem importante do veículo é sua velocidade. O protótipo tem velocidade máxima de 200 km/h, mas a equipe já tem planos para fazê-lo chegar aos 300 km/h.




Comentários