Mercado de engenharia tem alta demanda de profissionais especializados

Experiência, qualificação e competências técnicas são pré-requisitos para as empresas

De acordo com o levantamento do Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada) para o próximo ano, a demanda por profissionais do setor de Engenharia pode alcançar entre 600 mil e 1,15 milhões de postos de trabalho. A estimativa foi realizada com base na análise do período de 2011 a 2020.

A partir das projeções favoráveis, nota-se uma alta demanda por engenheiros no mercado de trabalho nas mais diversas especialidades da área. No entanto, as empresas estão em busca de profissionais com experiência, qualificação e competências técnicas.

Na região sul fluminense, com forte presença de indústrias do setor metal mecânico e automobilístico, o engenheiro mecânico é um profissional indispensável. Afinal, esta é uma área de atuação ampla que compreende a elaboração de projetos, análises, operação e manutenção de sistemas mecânicos, bem como planejar e produzir motores, veículos, equipamentos e sistemas termodinâmicos para diferentes áreas da indústria.

Porém, para uma atuação de excelência que atenda às demandas do setor, é necessário que os profissionais possuam conhecimentos específicos. Uma alternativa para questão é o ingresso na pós-graduação, no UBM – Centro Universitário de Barra Mansa – é ofertado o curso de Pós-Graduação em Engenharia de Projetos Mecânicos.


Continua depois da publicidade


O programa tem como público alvo profissionais que atuam em empresas da região, em especial no segmento metal mecânico. Durante as aulas, os estudantes poderão desenvolver competências técnicas, éticas e comportamentais por intermédio da aplicação de boas práticas e tecnologias do mercado.

Ao ingressar na Pós-Graduação em Engenharia de Projetos Mecânicos, os alunos poderão adquirir habilidades e competências para trabalhar no setor de equipamentos mecânicos, promovendo a melhoria dos projetos e das condições operacionais, orientados por uma visão global das dimensões de qualidade.

Além disso, é importante destacar que, a partir do curso de especialização, os profissionais podem ampliar o seu campo atividades para além dos empreendimentos tradicionais, pois indústrias em expansão, como as petroquímicas e as produtoras de álcool e gás, também necessitam de engenheiros mecânicos especializados.

Tópicos:



Comentários