Evento apresenta tomadas e interruptores que se regeneram com o calor

A Schneider Electric está lançando em todo o Brasil a sua nova linha de tomadas e interruptores com nanotecnologia, que se regeneram de avarias com o calor.

No Paraná, um workshop promovido pela Reymaster Materiais Elétricos foi o ambiente escolhido para a fabricante apresentar aos profissionais da região a tecnologia inovadora da Orion Class.  

“A Orion Class possui nanopartículas em sua composição que ativadas com o calor se regeneram. Ou seja, sua vida útil é incomparável”, afirmou a representante da Schneider Aline Santos.

O grande diferencial da linha fica por conta do metal Fênix, produzido na Itália com nanotecnologia que proporciona maior resistência ao produto. Este componente é anti-ranhura, garantindo que as placas não tenham marcas, manchas ou riscos. Caso o produto sofra algum atrito, basta cobrir a placa com um pano e colocar o item em contato com alta temperatura (ferro de passar, secador, etc). Dessa forma, o estado do produto volta ao original.


Continua depois da publicidade


Segundo o participante Lucas Pariz, da construtora Opera Prima, “os clientes hoje em dia não tem tempo a perder e não querem se preocupar com futuros reparos que venham a ocorrer em seus empreendimentos e por isso este tipo de tecnologia vem ao encontro deste novo estilo de vida moderno”.

O evento, realizado no Centro de Treinamentos da Reymaster em Curitiba, reuniu cerca de 50 profissionais de elétrica que tiveram a oportunidade de conhecer também outras novidades que integrarão o dia a dia em uma obra ou em um ambiente industrial no futuro.

Os destaques ficaram para alguns dos produtos lançados em 2019, como os disjuntores MTZ e relês controlados via celular, além do botão biométrico que aumenta a segurança na operação de máquinas na indústria. Segundo o palestrante André Moreira, gerente de distribuição da Schneider, são lançados todo o ano em média 300 produtos.




Comentários