Venda de pneus para as montadoras cresce 17,1% em fevereiro

No comparativo com o mesmo mês de 2018, a alta foi de 1,8% no mercado de reposição

Com total de 4,78 milhões de unidades entregues em fevereiro, a indústria brasileira de pneus ampliou vendas em 5,5% em relação às 4,53 milhões do mesmo mês do ano passado. Os negócios com as montadoras cresceram 17,1%, para 1,3 milhão de unidades no mês passado, enquanto o mercado de reposição teve alta de apenas 1,8%, para 3,48 milhões.

“O resultado positivo de fevereiro é reflexo da maior quantidade de dias úteis este ano, já que o feriado do Carnaval foi em março”, comentou Klaus Curt Müller, presidente executivo da Anip, ao dibulgar o balanço do setor nesta quinta-feira, 28. No acumulado do primeiro bimestre o setor registra leve queda de 0,4%, com total de 9,25 milhões de unidades vendidas este ano contra as 9,29 milhões do mesmo período de 2018.

O segmento de veículos pesados continua com perfomance melhor do que a registrada no de leves. As vendas de pneus de carga em fevereiro tiveram alta de 16%, sendo que nesse caso os negócios com as montadoras cresceram expressivos 38,8% e os relativos ao mercado de reposição expandiram-se em 10,5%. No acumulado de 2019, o segmento anotou avanço de 12,3% em relação ao primeiro bimestre de 2018


Continua depois da publicidade


Já as vendas de pneus de passeio evoluíram apenas 1,3% em fevereiro de 2019, se comparado ao mesmo mês do ano passado, resultado que foi puxado pela forte alta de 18,9% das vendas para montadoras. O segmento de passeio no primeiro bimstre registra queda de 6,1%, resultado da retração de 10,4% nas vendas para o segmento de reposição.

Na soma do ano, as vendas de pneus para comerciais leves teve aumento da de 6,5% e de 4,9% na categaria de  motocicletas. Também é positivo o saldo da balança comercial do setor, que teve superávit de quase US$ 30 milhões no bimestre, com exportação de US$ 184,2 milhões e importação de US$ 154,3 milhões.




Comentários