Renault, Nissan e Mitsubishi criam novo conselho operacional

Órgão será o responsável por supervisionar as operações e a governança da aliança

Os presidentes da Renault, Nissan e Mitsubishi anunciaram uma reestruturação com a formação de um novo conselho operacional da aliança, que será responsável, entre outras funções, de supervisionar as operações e governança do conglomerado. Com isso, Jean-Dominique Senard, presidente da Renault, acumulará o cargo de presidente desta nova diretoria operacional, juntamente com Thierry Bolloré, CEO da Renault, Hiroto Saikawa, CEO da Nissan, e Osamu Masuko, CEO da Mitsubishi, que também serão membros do conselho.

Em nota, a aliança expressa que o novo conselho operacional terá como missão buscar novas maneiras de gerar valor para seus acionistas e funcionários, bem como promover decisões operacionais consensuais de acordo com o interesse das companhias. Os acordos definitivos serão assinados em conjunto no aniversário de 20 anos da Aliança.

A nova diretoria pretende se reunir todos os meses em Paris ou Tóquio para atualizar regularmente as partes interessadas sobre suas principais iniciativas e realizações.

Mudanças na Renault

O CEO da Renault, Tierry Bolloré, que assumiu o cargo após a saída de Carlos Ghosn, alterou a composição do comitê executivo do Grupo Renault. A partir de 1º de abril, novos executivos e executivas passam a integrar o comitê. São eles:


Continua depois da publicidade


Clotilde Delbos, diretora financeira do grupo e presidente do conselho de administração do Banco RCI, assume a direção de controle interno.

Philippe Guérin-Boutaud passa a ser membro do comitê executivo do Grupo Renault. Ele mantém suas funções de diretor da qualidade e satisfação do cliente. 

Ali Kassaï é nomeado diretor de produto e programas e passa a ser membro do comitê executivo do Grupo Renault. Ele substitui Bruno Ancelin, que decidiu se aposentar. 

François Renard passa a ser membro do comitê executivo do Grupo Renault e mantém suas funções de diretor mundial de marketing. 

François Roger passa a ser membro do comitê executivo do Grupo Renault e mantém suas funções de diretor de recursos humanos do grupo. Se reportarão a ele as direções de prevenção e proteção do grupo, bens imóveis e serviços gerais. 

Véronique Sarlat-Depotte passa a ser membro do comitê executivo do Grupo Renault. Ela mantém suas funções de diretora de compras da Aliança Renault-Nissan-Mitsubishi e de CEO da Alliance Purchasing Organization. 

Laurens van den Acker passa a ser membro do comitê executivo do Grupo Renault e mantém suas funções de diretor de design industrial. 

Frédéric Vincent é nomeado membro do comitê executivo do Grupo Renault. Ele mantém suas funções de diretor de sistemas de informação e transformação.

Como fica a nova composição do comitê executivo do Grupo Renault:

Thierry Bolloré, CEO do Grupo

Clotilde Delbos, diretora financeira do grupo e Presidente do Conselho de administração do Banco RCI; 

José Vicente de los Mozos, diretor de fabricações e logística do grupo; 

Gaspar Gascon-Abellan, diretor adjunto de engenharia da Aliança; 

Philippe Guérin Boutaud, diretor da qualidade e satisfação do cliente do grupo; 

Ali Kassaï, diretor de produto e programas do grupo; 

Olivier Murguet, diretor comercial e de regiões do grupo; 

François Renard, diretor mundial de marketing do grupo; 

François Roger, diretor de recursos humanos do grupo; 

Véronique Sarlat-Depotte, diretora de compras da Aliança Renault-Nissan-Mitsubishi e CEO da Alliance Purchasing Organization; 

Laurens van den Acker, diretor de design industrial do grupo; 

Frédéric Vincent, diretor de sistemas de informação e transformação do grupo.




Comentários