Ano começa aquecido com vendas 6,5% maiores na metade de janeiro

Toyota sobe para o quarto lugar na primeira quinzena do mês

As vendas de carros e comerciais leves começaram o ano em alta. Foram vendidas 83.672 unidades na primeira quinzena de janeiro, em crescimento de 6,5% na comparação com o mesmo período do ano passado. 

As vendas diárias somaram 8.367 unidades por dia útil, também em expansão de 6,5% contra 7.855 na primeira quinzena de janeiro de 2018 (total de 10 dias úteis, mesmo número do ano passado). 

O ranking por marca traz algumas novidades nas primeiras posições. Os três primeiros colocados repetem o ranking do ano passado, mas no quarto lugar aparece marca nova: a Toyota vendeu 8.616 unidades nos primeiros dez dias úteis do ano e conquistou 10,3% de participação, subindo três posições em relação ao ranking de 2018, tendo o Corolla retornado à lista dos dez mais: 2.060 emplacamentos no período, o décimo mais vendido. 

A GM iniciou o ano mais uma vez na frente, vendeu 14.326 carros e comerciais leves e ficou com 17,1% de participação. Volkswagen tem 15,3% (12.765 carros) e Fiat 13,6% (11.355). 

Outra mudança é a subida da Jeep para a oitava posição (ficou em nono lugar em 2018) e a queda da Honda para a nona posição (era a oitava). Destaque também para a Citroën, que passou a Peugeot e subiu para o 11º lugar. 


Continua depois da publicidade


Onix começa o ano detonando

O Chevrolet Onix, campeão de vendas de 2018 e também nos três anos anteriores, começou 2019 com a mesma disposição: o líder da GM vendeu mais do que o dobro do segundo colocado na primeira quinzena de janeiro. Os emplacamentos do hatch até a metade do mês somaram 6.772 unidades, contra 3.255 do segundo colocado, o Hyundai HB20. 

Os números iniciais indicam que a disputa pelo segundo lugar continua acirrada, tendo o Ford Ka, terceiro colocado, vendido apenas 17 carros a menos que o HB20 (3.255 contra 3.238). No ranking de 2018, o HB20 ficou na segunda posição com 105.518 unidades e o Ka em terceiro com 102.011. 

Em relação ao ranking do ano passado, entraram na lista dos dez mais vendidos este ano o Toyota Corolla, que obteve a décima posição com 2.060 carros; o Jeep Renegade, que pulou da 18ª para a oitava colocação (2.343 carros) e a picape Fiat Toro, que passou do 12º lugar no ano passado para o nono na primeira quinzena a de janeiro, com 2.194 emplacamentos. 

Deixaram o pelotão de elite Renault Kwid, Fiat Argo e Jeep Compass. Sétimo colocado no ano passado, o Kwid iniciou este ano apenas na 14ª posição (1.740 carros). O Argo caiu da nona para a 13ª e o Compass, que era o décimo, agora é o 12º. 

Volkswagen Gol, Chevrolet Prisma, VW Polo e Fiat Strada se mantêm e completam a lista dos dez mais vendidos. 

Tópicos:
                                   



Comentários