Faturamento da indústria de autopeças avança 18,8%

Dados consolidados até novembro de 2018 apontam que indicadores estão próximos da projeção para o ano

O faturamento do setor de autopeças cresceu 18,8% no acumulado de janeiro a novembro de 2018, segundo os dados mais recentes divulgados pelo Sindipeças, entidade que reúne as fabricantes do setor. O levantamento representa 60 empresas associadas que respondem por 36,2% das vendas totais do setor no Brasil.

O maior índice de crescimento veio das exportações: o faturamento líquido em reais avançou 27,9% na mesma base de comparação anual, enquanto as vendas para montadoras subiram 19,2%. Já as vendas por meio do mercado de reposição fecharam com alta mais tímida entre os demais, de 7,6%. 

Em novembro, as vendas para montadoras responderam por 64,6% do total faturado pela indústria de autopeças, considerando as 60 empresas associadas que compartilharam seus números. O índice está muito próximo da participação prevista pelo Sindipeças para o ano, de 64,4%.

Já o mercado de reposição representou 12,5% das vendas no fechamento de novembro, um pouco longe da previsão de 17,2% da entidade. Por outro lado, as exportações já superaram as expectativas para 2018, ao encerrar novembro com participação de 18,7%: o Sindipeças acreditava que 13,2% do faturamento de 2018 viria das exportações.




Comentários