Seminário Internacional "Programas OEA nas Américas" analisará a importância do OEA na modernização do comércio exterior da região

Evento reunirá as principais autoridades latino-americanas da área de aduanas e ocorrerá no dia 27 de novembro, no Hotel Maksoud, em São Paulo

Numa iniciativa da Receita Federal do Brasil e realização do Instituto Aliança Procomex, o Seminário Internacional “Programas OEA nas Américas", será promovido no próximo dia 27 de novembro, no Hotel Maksoud, em São Paulo e reunirá as principais autoridades em aduanas e fiscalização alfandegária da América Latina.  Os objetivos básicos do encontro são: tratar da importância dos Programas OEA (Operador Econômico Autorizado) Integrados das Américas para o setor privado, os benefícios do OEA para a economia brasileira e as oportunidades de um OEA regional para a América Latina.

A abertura do evento contará com as presenças de John Edwin Mei, coordenador executivo do Instituto Aliança Procomex; Jorge Rachid, secretário da Receita Federal do Brasil; e Robson Braga de Andrade, presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI).

Após a solenidade de abertura, o presidente do Conselho da Organização Mundial das Aduanas (OMA) e diretor geral da Aduana do Uruguai, Enrique Canon; a project officer do Comitê Interamericano contra Terrorismo (OAS), Catherine Gibson; o chefe da Divisão de Comércio e Investimento do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), Fabrizio Opertti; e o vice-presidente regional para as Américas e o Caribe da OMA e diretor de Aduana de Santo Domingo, Enrique Ramírez discutem o tema Em Busca de um OEA Regional.

O debate será seguido da palestra Por que é importante um Programa OEA Regional para o Setor Privado?, que ficará a cargo do vice-presidente corporativo de Assuntos Governamentais da Huawei, Sheng Kai. No painel Status do Primeiro Programa OEA integrado das Américas (Aliança do Pacífico) participarão: Pablo Ibáñez Beltrami, diretor da Aduana do Chile, e Rafael García Melgar, superintendente adjunto de Aduanas do Perú.

Na sequência da programação do Seminário Internacional será feira a apresentação de um estudo da CNI sobre os Impactos Econômicos do Programa OEA na Economia Brasileira, que será feita pelo professor Lucas Ferraz, da Fundação Getulio Vargas.


Continua depois da publicidade


O Seminário Internacional programou também três painéis. O primeiro, denominado Explorando a Oportunidade de um OEA Regional nas Américas, será moderado por Enrique Canon, presidente do Conselho da Organização Mundial das Aduanas (OMA) e diretor geral da Aduana do Uruguai. Dele participarão, como painelistas: Diego D´Ávila, diretor geral de Aduana da Argentina; Marlene Daniza Ardaya Vásquez, presidente executiva de Aduana da Bolívia; Marcus Vinicius Vidal Pontes, subsecretário de Aduanas do Brasil; Pablo Ibáñez Beltrami, diretor de Aduanas do Chile; Abel Francisco Cruz Calderón, superintendente de Administração Tributária da Guatemala; Julio Fernández, diretor nacional da Aduana do Paraguai; Rafael García Melgar, superintendente adjunto de Aduanas do Perú; Enrique Ramírez, diretor de Aduana da República Dominicana; e Enrique Canon, diretor nacional de Aduanas do Uruguai.

Já o painel A Visão das Associações Regionais sobre a Questão da OEA Regional terá como moderador Antonio Llobet, diretor da Associação Internacional de Operações Econômicos Autorizados, Aduaneiros e Logísticos. Participarão como painelistas: Alfonso Rojas, presidente da ASAPRA – Associação Internacional de Agentes Profissionais de Aduanas; Rubén Pérez, diretor da IFCBA – Federação Internacional das Associações de Despachantes Aduaneiros; Francisco Santeiro, presidente da CLADEC – Associação Latino-Americana de Empresas de Entregas Expressas; e Jorge Guillermo Heinermann, presidente da ALACAT – Federação das Associações de Agentes de Carga e Operadores Logísticos da América Latina e Caribe. O último painel do evento abordará A Visão das Empresas sobre a Questão OEA Regional e deverá contar com representantes de diversas empresas de vários países da América Latina, mas ainda depende da definição e confirmação dos nomes.

O Seminário Internacional “Programas OEA nas Américas” é direcionado para empresários e executivos que atuam no comércio internacional, profissionais e especialistas em comércio exterior, entidades e lideranças empresariais, representantes de órgãos públicos ligados ao segmento, comunidade acadêmica, imprensa e outros interessados nas atividades do comércio mundial. O Procomex estima reunir cerca de 500 participantes.

Serviço

Seminário Internacional “Programas OEA nas Américas”

Data – 27 de novembro de 2018

Horário – das 08h às 18h

Local – Maksoud Plaza – Alameda Campinas, 150 – S. Paulo

Mais informações: (11) 3812-4566 ou www.procomex.org.br




Comentários