Seminário Internacional "Programas OEA nas Américas" analisará a importância do OEA na modernização do comércio exterior da região

Evento reunirá as principais autoridades latino-americanas da área de aduanas e ocorrerá no dia 27 de novembro, no Hotel Maksoud, em São Paulo

Numa iniciativa da Receita Federal do Brasil e realização do Instituto Aliança Procomex, o Seminário Internacional “Programas OEA nas Américas", será promovido no próximo dia 27 de novembro, no Hotel Maksoud, em São Paulo e reunirá as principais autoridades em aduanas e fiscalização alfandegária da América Latina.  Os objetivos básicos do encontro são: tratar da importância dos Programas OEA (Operador Econômico Autorizado) Integrados das Américas para o setor privado, os benefícios do OEA para a economia brasileira e as oportunidades de um OEA regional para a América Latina.

A abertura do evento contará com as presenças de John Edwin Mei, coordenador executivo do Instituto Aliança Procomex; Jorge Rachid, secretário da Receita Federal do Brasil; e Robson Braga de Andrade, presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI).

Após a solenidade de abertura, o presidente do Conselho da Organização Mundial das Aduanas (OMA) e diretor geral da Aduana do Uruguai, Enrique Canon; a project officer do Comitê Interamericano contra Terrorismo (OAS), Catherine Gibson; o chefe da Divisão de Comércio e Investimento do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), Fabrizio Opertti; e o vice-presidente regional para as Américas e o Caribe da OMA e diretor de Aduana de Santo Domingo, Enrique Ramírez discutem o tema Em Busca de um OEA Regional.


Continua depois da publicidade


O debate será seguido da palestra Por que é importante um Programa OEA Regional para o Setor Privado?, que ficará a cargo do vice-presidente corporativo de Assuntos Governamentais da Huawei, Sheng Kai. No painel Status do Primeiro Programa OEA integrado das Américas (Aliança do Pacífico) participarão: Pablo Ibáñez Beltrami, diretor da Aduana do Chile, e Rafael García Melgar, superintendente adjunto de Aduanas do Perú.

Na sequência da programação do Seminário Internacional será feira a apresentação de um estudo da CNI sobre os Impactos Econômicos do Programa OEA na Economia Brasileira, que será feita pelo professor Lucas Ferraz, da Fundação Getulio Vargas.

O Seminário Internacional programou também três painéis. O primeiro, denominado Explorando a Oportunidade de um OEA Regional nas Américas, será moderado por Enrique Canon, presidente do Conselho da Organização Mundial das Aduanas (OMA) e diretor geral da Aduana do Uruguai. Dele participarão, como painelistas: Diego D´Ávila, diretor geral de Aduana da Argentina; Marlene Daniza Ardaya Vásquez, presidente executiva de Aduana da Bolívia; Marcus Vinicius Vidal Pontes, subsecretário de Aduanas do Brasil; Pablo Ibáñez Beltrami, diretor de Aduanas do Chile; Abel Francisco Cruz Calderón, superintendente de Administração Tributária da Guatemala; Julio Fernández, diretor nacional da Aduana do Paraguai; Rafael García Melgar, superintendente adjunto de Aduanas do Perú; Enrique Ramírez, diretor de Aduana da República Dominicana; e Enrique Canon, diretor nacional de Aduanas do Uruguai.

Já o painel A Visão das Associações Regionais sobre a Questão da OEA Regional terá como moderador Antonio Llobet, diretor da Associação Internacional de Operações Econômicos Autorizados, Aduaneiros e Logísticos. Participarão como painelistas: Alfonso Rojas, presidente da ASAPRA – Associação Internacional de Agentes Profissionais de Aduanas; Rubén Pérez, diretor da IFCBA – Federação Internacional das Associações de Despachantes Aduaneiros; Francisco Santeiro, presidente da CLADEC – Associação Latino-Americana de Empresas de Entregas Expressas; e Jorge Guillermo Heinermann, presidente da ALACAT – Federação das Associações de Agentes de Carga e Operadores Logísticos da América Latina e Caribe. O último painel do evento abordará A Visão das Empresas sobre a Questão OEA Regional e deverá contar com representantes de diversas empresas de vários países da América Latina, mas ainda depende da definição e confirmação dos nomes.

O Seminário Internacional “Programas OEA nas Américas” é direcionado para empresários e executivos que atuam no comércio internacional, profissionais e especialistas em comércio exterior, entidades e lideranças empresariais, representantes de órgãos públicos ligados ao segmento, comunidade acadêmica, imprensa e outros interessados nas atividades do comércio mundial. O Procomex estima reunir cerca de 500 participantes.

Serviço

Seminário Internacional “Programas OEA nas Américas”

Data – 27 de novembro de 2018

Horário – das 08h às 18h

Local – Maksoud Plaza – Alameda Campinas, 150 – S. Paulo

Mais informações: (11) 3812-4566 ou www.procomex.org.br




Comentários