Chinesa informa não ter interesse na compra da Fiat

Geely, uma das asiáticas apontadas como possível compradora da gigante ítalo-americana, negou interesse na negociação.


Continua depois da publicidade


A Geely Automotive, proprietária da Volvo, negou interesse na compra do Grupo Fiat Chrysler Automobiles (FCA). Especulações sobre essa negociação começaram a circular no início desta semana.

"Não temos nenhum plano do tipo no momento", disse o diretor executivo da Geely Gui Shengyue. Ele explica que a aquisição de uma empresa estrangeira é complicada para eles, mas que para outras marcas chinesas é um caminho rápido para o desenvolvimento de novos veículos. 

Sergio Marchionne, principal executivo do Grupo FCA, não esconde que deseja realizar uma fusão em território asiático, já que as opções de compradores nos Estados Unidos e na Europa parecem ter se esgotado. 




Comentários