Sucesso da Manufatura Avançada nas indústrias depende de interação entre escolas e empresas


Continua depois da publicidade


O sucesso para que a manufatura avançada se torne realidade comum nas plantas industriais brasileiras só será alcançado com a colaboração entre as instituições de ensino especializadas e as empresas. Esse cenário já vem sendo desenvolvido em experiências promovidas pelo Centro Universitário da FEI que conseguiu estabelecer parcerias com empresas como Siemens, Kuka Roboter, Schunk e Vivo.

O professor de Engenharia de Produção Fabio Lima, da FEI, afirmou que é nesse ambiente colaborativo que as empresas obterão bons resultados. Ele foi um dos palestrantes da Arena do Conhecimento que acontece na Feimafe 2017 abordando o tema “Importância da parceria entre escolas e empresas no cenário da manufatura avançada e robótica”.

Lima ressaltou, no entanto, que essa colaboração precisa ser de mão dupla, ou seja, assim como a universidade deve conhecer e se envolver com a realidade da indústria, esta tem de se disponibilizar para um ambiente de parceria em que os dois lados saiam ganhando. No Laboratório de Manufatura Avançada da FEI há atividades bem sucedidas envolvendo essa lógica, segundo Fabio Lima.

“Existe, por exemplo, uma parceria com a Kuka e a Schunk que nos forneceram equipamentos robóticos para aprimorarmos nosso laboratório, em contrapartida, as empresas vão fazer treinamentos com seus clientes usando nossas instalações”, resumiu.




Comentários