Schmersal traz ao Brasil novo Sensor de Luz Azul

Novidade oferece mais eficiência de detecção do que os sensores convencionais de proximidade de luz vermelha ao detectar objetos escuros ou transparentes

Multinacional alemã líder mundial em sistemas de segurança para máquinas industriais, a Schmersal apresenta o novo Sensor de Luz Azul dotado da tecnologia alemã SensoPart. A novidade oferece mais eficiência de detecção se comparada com os sensores convencionais de luz vermelha, especialmente envolvendo objetos escuros ou transparentes. Lançado em versões compactas, o Sensor de Luz Azul da Schmersal cobre faixas de varredura de até 1200 mm.

Os Sensores de Luz Azul da Schmersal são indicados para aplicações em diversas indústrias, como embalagens, plásticos, automobilística, solar, bebidas, bem como na construção de máquinas especiais ou na automação de laboratórios.

Originalmente desenvolvidos para a detecção de placas solares, os sensores de proximidade fotoelétricos de luz são indicados para inúmeras aplicações industriais. A solução apresenta excelente estabilidade do processo, especialmente quando se detecta objetos grandes absorvedores de luz como, por exemplo, peças de plástico preto ou de fibra de carbono, ou ainda posicionadas em um ângulo superficial desfavorável. Os sensores também garantem uma detecção extremamente confiável de objetos transparentes, como garrafas, seringas ou filmes.


Continua depois da publicidade


A tecnologia da luz azul deve sua maior estabilidade do processo à tecnologia SensoPart, que combina emissor LED, ótica e processamento de sinal. A confiabilidade dos sensores também é reforçada por supressão de fundo de alta precisão: mesmo os fundos muito brilhantes ou reflexivos, como reflexos de peças de máquinas metálicas que não interferem no processo de detecção. A supressão pode até ser ajustada com o auxílio de um potenciômetro - é o único sensor de luz azul com essa característica no mercado.

Tópicos:



Comentários ()