Salão da Inovação contará com várias ações durante a Mercopar

A Indústria 4.0 e seus conceitos será um dos pontos em evidência durante a feira que acontece de 4 a 7 de outubro.

Ao longo de suas 25 edições, a Mercopar sempre teve como uma de suas principais características acompanhar as tendências da indústria e, muitas vezes, se antecipar às novidades que possam se transformar em grandes diferenciais a favor do setor empresarial. Neste ano, a Feira de Subcontratação e Inovação Industrial, que acontecerá de 4 a 7 de outubro, em Caxias do Sul, novamente apresentará importantes atrativos aos expositores e visitantes, com destaque para o Salão da Inovação, que reunirá projetos e ações relacionados à Indústria 4.0, Desafio Sebrae “Indústria + Solidária”, Desafio de Automação Industrial Via Marte e Hackathon Serra – Edição Indústria Powered by Acelera Serra. “Estamos atentos ao que acontece no mundo, mas sem deixar de contemplar a nossa realidade. Por isto, contaremos com atividades demonstrando a realidade do mercado, as novidades, as tendências e as oportunidades”, ressalta o técnico Gustavo Schneck Moreira, da Gerência de Inovação e Tecnologia do Sebrae/RS.

A Indústria 4.0, também chamada de 4ª Revolução Industrial, terá um enfoque especial durante a Mercopar, explicando como seus conceitos podem ser aplicados junto às empresas. A Indústria 4.0 engloba inovações em automação, controle e tecnologia da informação com aplicação em processos de manufatura. Proporciona troca de dados utilizando conceitos ciber-físicos, internet das coisas e computação em nuvem, facilitando uma visão e execução de fábricas mais inteligentes, onde suas estruturas de produção são moduladas e conectadas com dados circulando de forma on line, se auto ajustando conforme a necessidade da produção.


Continua depois da publicidade


Devido à sua importância, este tema será demonstrado em dois espaços dentro do Salão da Inovação: Realidade Virtual e Simulação da Indústria 4.0. “O SEBRAE/RS desenvolveu, em parceria com a equipe técnica do SENAI, um aplicativo de realidade virtual em 3D que simula um ambiente de produção. Por meio de de smartphones os visitantes poderão conhecer os detalhes e ver a simulação de como funciona um processo produtivo baseado em seus conceitos e aplicações. No ambiente da Simulação será possível conhecer e interagir com uma planta produtiva real operando com base nos seis preceitos da Indústria 4.0: Interoperabilidade, Virtualização, Descentralização, Adaptação da Produção, Orientações a Serviços e Sistemas Modulares. Além disso, técnicos do SENAI demonstrarão como os conceitos podem ser aplicados a realidade das MPEs de forma prática através da demonstração com equipamentos”, acrescenta Gustavo Moreira.

Indústria + Solidária

O Desafio SEBRAE “Indústria + Solidária” é resultado da união de projetos e soluções do SEBRAE/RS com a Responsabilidade Social. Desta forma, a Universidade do Vale do Rio dos Sinos – UNISINOS, reconhecida por suas ações sociais, se une ao SEBRAE para a realização deste evento. O desafio consiste na criação e produção de brinquedos para doação a entidades carentes. Os participantes deverão desenvolver o processo de invenção e/ou criação a partir dos recursos disponibilizados no local do desafio e a produção deste brinquedo com a utilização de pelo menos três ferramentas da Solução “Indústria +”do SEBRAE/RS. Esta iniciativa é destinada a instituições de ensino e empresas gaúchas. As equipes deverão ser formadas por cinco integrantes que devem estar presentes no desafio durante os dois dias da competição. As inscrições serão realizadas através do Google docs .
 
Automação industrial Via Marte

Em conjunto com o SEBRAE e Via Marte, a Associação Brasileira da Indústria de Calçados – Abicalçados, com o projeto Future Footwear, desenvolverá um desafio que busca a solução na serialização aplicada no solado dos calçados e a utilização desta informação pelo consumidor. Com foco na gravação, consumo da informação e dados encapsulados, a impressão deve ser confiável, rápida e permanente. Serão entregues materiais e gerados seriais no padrão global, servindo de auxílio aos grupos de trabalho durante os quatro dias da Mercopar. Poderão ser formadas cinco equipes de até quatro pessoas, com o desenvolvimento, mentoria e ideias de negócios. As inscrições serão realizadas através do Google docs.
 
Hackathon Serra

Esta ação reunirá empresários, designers, programadores, universitários e outros profissionais com o objetivo de explorar e discutir novas ideias, além de desenvolver projetos de software ou mesmo de hardware. A programação contempla atividades durante os quatro dias da feira. Para esta atividade os participantes já foram selecionados em encontro que ocorreu em Caxias do Sul.




Comentários