Ramboll Environ apresenta projetos de remediação e revitalização ambiental durante o X Ekos Brasil

Especialistas da empresa mostrarão casos de sucesso de gestão ambiental com uso de tecnologias inovadoras, reforçando benefícios para os negócios e a sociedade.

Ramboll Environ, consultoria multinacional em engenharia e projetos multidisciplinares, apresentará casos de sucesso e soluções inovadoras para remediação e revitalização de áreas contaminadas, durante o X Seminário Ekos Brasil, promovido pelo Instituto Ekos Brasil. O evento ocorrerá dias 28 e 29 de setembro, das 9h às 18h, no SESC Santo Amaro, em São Paulo (SP).

Uma das principais palestras será a de Scott Warner, diretor de Planejamento de Recursos Hídricos da Ramboll Environ nos Estados Unidos, que apresentará um projeto de “Proteção da qualidade de águas subterrâneas, próximas a lagos, por meio de remoção de sulfato líquido gerado por uma Mina de Ferro ativa”, no dia 29 de setembro, às 10h30, na Sessão 6 - Mineração.

Especialista em consultoria hidrogeológica e gestão dos recursos hídricos, com mais de 28 anos de experiência em gestão ambiental, Warner mostrará como a empresa utilizou tecnologia inovadora para provocar uma reação química, que transformou o sulfato líquido, resultante da operação de mineração, em partículas sólidas, eliminando os riscos de contaminação dos lençóis freáticos da região. 

Outra especialista internacional, Laurie LaPat-Polasko, diretora de projetos de Biorremediação da Ramboll, falará sobre “a implantação de um campo em escala para biorremediação em uma Zona de Tratamento de Solventes Clorados, em águas subterrâneas”, no dia 28 de setembro, às 13:30 horas, na Sessão 2 – Tecnologias Inovadoras. “Esta é a mais nova tecnologia biológica para mitigação de riscos de contaminação, e já foi implantada em alguns de nossos projetos”, explica Eugênio Singer, presidente da Ramboll Environ Brasil.


Continua depois da publicidade


Laurie LaPat-Polasko é PHD em Gestão Ambiental e referência mundial em biorremediação, tendo mais de 25 anos de experiência em projetos em águas subterrâneas, solo e no tratamento de águas residuais. Esta cientista combinou conhecimentos de microbiologia com engenharia civil para desenvolver soluções de remediação a baixo custo, para locais contaminados por compostos orgânicos e inorgânicos. Com isso, ela conseguiu numerosas investigações corretivas e fez estudos de viabilidade para questões complexas associadas à superfície da água, ambientes aquíferos subterrâneos e descargas provenientes de sistemas de esgotos.

O projeto nacional da Ramboll, escolhido pelo Instituto Ekos, será apresentado por Gustavo Dorota Carreiro de Melo, engenheiro químico e gerente da Ramboll Environ do Brasil, que abordará “A remediação de metais em águas freáticas usando precipitação química in loco”, no dia 28 de setembro, às 13h30, na Sessão 2 – Tecnologias Inovadoras. Mello tem 12 anos de experiência em consultoria ambiental no Brasil, principalmente em projetos de diagnóstico e remediação de solo e águas subterrâneas, de qualidade do ar, de construção de sistemas de captação e queima de biogás, e em estudos de avaliação de risco industrial (EAR), programa de gerenciamento de riscos (PGR) e plano de ação de emergência (PAE); entre outros.

Para participar deste evento técnico internacional, que reúne autoridades globais, consultorias, órgãos governamentais e profissionais de diversos setores comprometidos com gestão ambiental, a Ramboll Environ inscreveu sete projetos técnicos de remediação ambiental, dos quais seis foram escolhidos. Três serão abordados nas palestras e outros três poderão ser conhecidos na área de exposição técnica, com direito a explicações dos profissionais envolvidos.

“O Seminário Ekos é um dos eventos mais respeitados mundialmente na área de sustentabilidade, na qual a Ramboll Environ tem forte atuação. Por isso, esta será uma excelente oportunidade para destacar nossa expertise e promover o intercâmbio de ideias entre nossos especialistas e profissionais e estudiosos brasileiros e estrangeiros de remediação e revitalização de áreas contaminadas, que participarão do encontro”, reforça Singer.

Os casos da Ramboll, que serão exibidos em pôsteres, e serão explicados aos interessados por integrantes dos projetos, são “Implantação de uma abordagem integrada para biorremediação de clorados compostos” e “Remoção de tricloroetileno por meio da extração de vapores do solo com poços de 45º” - ambos apresentados por Gustavo Dorota Carreiro de Mello. Além disso, será detalhado o tema “A Influência da incerteza climática sobre metodologias destinadas a proteger e restaurar a sensibilidade crítica dos recursos hídricos”, referente a um projeto de Scott Warner.

Evento

X Seminário Ekos Brasil
Seminário Internacional de Remediação e Revitalização de Áreas Contaminadas

Dias 28 e 29 de setembro – 9h às 18h

SENAC SANTO AMARO - Avenida Engenheiro Eusébio Stevaux, 823, Santo Amaro

Participação da Ramboll

Palestra

Data

Horário

Sala

A implantação de um campo em escala para biorremediação em uma Zona de Tratamento de Solventes Clorados em águas subterrâneas

28/09/16

13h30 horas

Sessão 2 – Tecnologias Inovadoras

A remediação de metais em águas freáticas usando precipitação química in loco

28/09/16

13h30 horas

Sessão 2 – Tecnologias Inovadoras

Proteção da qualidade de águas subterrâneas, próximas a lagos por meio de remoção de sulfato líquido, gerado por uma Mina de Ferro ativa

29/09/16

10h30 horas

Sessão 6 - Mineração




Comentários