Correias Mercúrio inicia testes de operação em sua nova fábrica, no Pará

Unidade exigiu investimentos da ordem de R$ 100 milhões e aguarda licenças obrigatórias para entrar em funcionamento, ainda em escala de testes.

A Correias Mercúrio, que em mais de 70 anos de existência se consolidou como a principal fabricante de correias transportadoras do mercado brasileiro, anuncia um marco histórico de sua trajetória: o início das operações de sua segunda fábrica, um investimento da ordem de R$ 100 milhões. A unidade, instalada no Distrito Industrial de Marabá (PA), é a primeira a produzir correias transportadoras no Norte do país.

A nova planta, que aguarda a concessão das licenças de funcionamento para operar em fase de testes, vai abastecer o Norte, Nordeste e Centro-Oeste do Brasil. Vale destacar que as demandas destas regiões, até então, eram supridas pela fábrica da Correias Mercúrio em Jundiaí, no interior de São Paulo, a maior do país em seu segmento. Alterar o modelo preexistente demandou muito planejamento e um criterioso cronograma honrado pela liderança da companhia.

“Uma realização deste porte só se torna possível porque a empresa é comprometida com seus objetivos estratégicos e segue com afinco o plano de crescimento de longo prazo. Os desafios são inerentes a projetos como este, mas graças ao profissionalismo de todos os envolvidos conseguimos cumprir com sucesso o cronograma de trabalho”, avalia a CEO da Correias Mercúrio, Cristina Kawall. “A Unidade Mercúrio Marabá é peça fundamental do nosso plano de crescimento. Com ela, damos um passo importante para tornar o Brasil autossuficiente na produção de correias transportadoras, uma conquista que nos enche de orgulho”, completa a CEO.

O comprometimento da empresa para o desenvolvimento da indústria nacional é evidenciado com o anúncio de uma fábrica totalmente concebida dentro do modelo lean manufacturing, que apresenta os mais avançados conceitos e as melhores práticas produtivas, bem como estratégias de produção inovadoras para resultados de alto desempenho.   


Continua depois da publicidade


Os esforços para operar presencialmente na região Norte do Brasil, gerando postos de trabalho diretos e indiretos e priorizando a rede de fornecedores locais, confirmam o compromisso da Correias Mercúrio com o fomento econômico e o desenvolvimento de Marabá. A presença da empresa em Marabá confere maior celeridade no atendimento às indústrias da região. “Estamos comprometidos com o desenvolvimento das regiões onde atuamos, e tivemos a preocupação de investir na formação de mão de obra em Marabá. Para tanto, criamos, em parceria com o SENAI, um curso totalmente gratuito de tecnologia da borracha, inédito na cidade”, completa Kawall.

O Brasil abriga o maior mercado consumidor de correias transportadoras da América do Sul. Elas desempenham papel fundamental em setores de base como mineração, siderurgia e agronegócio. “É um marco de nossa história e temos de agradecer o comprometimento do Governo Municipal de Marabá e Governo Estadual do Pará desde o início do projeto”, destaca. “Devemos mencionar, também, o importante apoio dos fornecedores locais e entidades civis”, retoma a executiva.

A Correias Mercúrio é líder do mercado brasileiro de correias transportadoras, além de ser a maior produtora de correias de cabo de aço da América do Sul. Os produtos são projetados e fabricados sob medida para as necessidades de cada cliente. Com a inauguração da nova fábrica em Marabá, a unidade de Jundiaí vai direcionar parte de sua produção também ao mercado internacional, agregando agilidade e maior escoamento da produção da unidade paulista. A companhia já conta com escritório próprio também em Santiago, no Chile, com equipe de profissionais do próprio país, além de um Centro de Distribuição em Jundiaí.




Comentários