Projetos de energia eólica são maioria entre os 371 habilitados em leilão da EPE

A Empresa de Pesquisa Energética (EPE) habilitou 371 projetos para o Leilão de Energia Elétrica A-3 (com entrega a partir de 2018) marcado para o dia 21. Desse total, 338 projetos são referentes a empreendimentos da fonte de energia eólica, que totalizou oferta de 8.328 megawatts (MW).

De acordo com os dados divulgados hoje (10) pela EPE, os 371 projetos habilitados equivalem a 9.594 MW. Além dos empreendimentos decorrentes da energia eólica, foram habilitadas 17 pequenas centrais hidrelétricas (184 MW), 13 termelétricas a biomassa (612 MW) e 3 termelétricas a gás natural (417 MW).

Segundo informações da EPE, o preço inicial do leilão para a fonte eólica será R$ 184 por MWh; para as termelétricas, a biomassa e termelétricas a gás natural, de R$ 218,00/MWh; e para empreendimentos hidrelétricos, de R$ 216/MWh.

Os dados indicam ainda que os estados da Bahia e do Rio Grande do Norte foram os que mais registraram projetos eólicos, com 106 cada um. Na sequência, vêm o Ceará (58 propostas de empreendimentos), o Piauí (39 projetos de fonte eólica) e o Maranhão (10 empreendimentos).

Tópicos:



Comentários