Webinar SKA: Manufatura sem papel é tendência na Indústria 4.0

Conceito sustentável e ágil é aposta da SKA, que promove webinar sobre o tema.

O detalhamento costuma ser uma parte demorada na execução de projetos de manufatura. Em um cenário bastante comum, um projetista demoraria cerca de um dia para concluir um projeto (em 3D) e poderia levar até três dias para concluir os detalhamentos, que serão levados à fábrica em projetos 2D impressos.

Enquanto hoje, as principais etapas do projeto já são feitos em 3D, o detalhamento ainda é realizado, em muitos casos, no modelo 2D, o inverso da evolução do design. Além dessa inversão (3D/2D) e o tempo gasto no processo, as impressões de todo o detalhamento do projeto, vistas, detalhes, cortes e etc. não condizem com a proposta sustentável de "paperless", outra tendência nas empresas e indústrias, cada vez mais focadas em produtividade versus eficiência energética e sustentabilidade. 

O engenheiro de aplicação da SKA, Luiz Gonçalves, explica que o conceito de Manufatura sem Papel é uma tendência que vem sendo adotada por empresas que almejam a indústria 4.0. Ele explica que a aplicação do conceito pode reduzir até 50% do tempo de projeto, além de facilitar a comunicação técnica entre engenharia e produção.

“Todas as informações que o projetista deveria criar novamente, um detalhamento ou um desenho detalhado em 2D, ele pode reaproveitar com as informações que colocou no rascunho”, diz. Gonçalves aponta ainda outras duas problemáticas que são extintas na Manufatura sem Papel: interpretação e informações faltantes no detalhamento.

Esses pontos e o conceito Manufatura sem Papel foram explorado no último dia 23 através de um Webinar realizado pela empresa. No evento online, já disponível em vídeo (abaixo), o engenheiro explica o conceito aplicado na prática durante todo o processo de uma engenharia.

Solução

Como ferramenta base para trabalhar a Manufatura sem Papel a SKA fortalece o produto da Dassault Systèmes, o SolidWorks Model Based Definition (MBD). O MBD contém todas as informações referentes ao processo de manufatura, sendo assim, na prática, essa ferramenta propõe reduzir o tempo de detalhamento. Gonçalves ressalta a praticidade da ferramenta especialmente para projetos de montagem. Nesse caso, o operador pode ver da tela de um computador ou tablet todos os detalhes em 3D das peças e dos encaixes, tornando a comunicação técnica muito mais dinâmica .

Nesse ponto, a empresa reforça a solução completa de otimização no processo de manufatura e na comunicação entre engenharia e produção. O engenheiro explica que, além da ferramenta da SolidWorks, a SKA oferece a solução completa, juntamente com o Terminal Industrial da NC Systems. O terminal é propício para ambientes industriais agressivos, realizando tarefas de coleta de dados automática (sensoriamento) e manual, transmissão de programas NC (DNC) e proporcionando acesso a informações de manufatura (Paperless).

Eventos futuros

A SKA promoverá, a partir de outubro, eventos em várias cidades do País para apresentar as novidades do SolidWorks 2016. As datas serão divulgadas em breve na editoria de Eventos do Portal CIMM. 

Leia também: Dassault Systèmes lança versão 2016 do SolidWorks e novas ferramentas

Tópicos:



Comentários