Grupo Bener anuncia representação da Akira Seiki no Brasil

Fabricante de centros de usinagem e tornos horizontais de barramento inclinado a CNC de Taiwan passa a integrar o catálogo da Bener High-Tech, com exclusividade em todo o Brasil.

O Grupo Bener inicia o ano de 2014 com uma nova parceria de representação exclusiva. A Akira Seiki, com sede em Taiwan, passa a integrar o catálogo da Bener High Tech, completando a oferta de produtos de alta tecnologia. "Faltava uma linha de máquinas de alta qualidade com preço mais acessível, para quem está se iniciando na divisão High Tech", explica Ricardo Lerner, diretor técnico da Bener.
 
Desde que assumiu a representação da Makino no Brasil, no início de 2012, a Bener High Tech vem aumentando regularmente a sua participação no segmento de máquinas-ferramenta de alta tecnologia. Neste período, incorporou a representação exclusiva da fabricante de tornos suíços Tornos e dos avançados centros de usinagem e tornos da austríaca EMCO e da também taiwanesa YouShine Precision (YSP).  "Queremos oferecer ao mercado brasileiro a maior e mais completa gama de máquinas de alta tecnologia, com a segurança de qualidade de atendimento e pós-venda da Bener", completa Wilson Borgneth, diretor comercial do Grupo.
 
Da linha da Akira Seiki virão os centros de usinagem verticais, centros de usinagem de 5 eixos, de pequeno porte, centros de furação e rosqueamento e tornos CNC de barramento inclinado. Segundo Ricardo, a Akira Seiki é um dos poucos fabricantes com spindle próprio, o que aumenta substancialmente a vantagem competitiva de suas máquinas. "A relação torque-potência do spindle é mais precisa, favorecendo tanto os processos de usinagem pesada como dos detalhes", diz. Ele destaca ainda as características construtivas rígidas e robustas das máquinas, que colaboram para o aumento da precisão dos trabalhos. "São máquinas ideais para ferramentarias e linhas de produção em média escala", afirma. 
 
A Bener já está demonstrando  três máquinas da nova representação, em seu showroom de Vinhedo: o centro de usinagem vertical SR3- AXP com cursos de 762 x 410 x 460 mm , Spindle de 11.000 rpm com 15 HP de potência, o centro de usinagem vertical V5.5 A - XP com cursos de 1350 x 640 x 660 mm, Spindle de 12.000 rpm e 35 HP de potência, ambas com motores de alto torque , e o torno SL25MC de barramento inclinado com ferramentas acionadas. O torno tem 530 mm de diâmetro de volteio, Spindle de 5000 rpm e torre de 12 ferramentas acionadas. As máquinas serão apresentadas oficialmente nas feiras FMU e Mecânica.
 
"O setor industrial brasileiro vem sofrendo oscilações e perdas desde o segundo semestre de 2008, mas a Bener continua sendo uma empresa que aposta no Brasil. Trabalhamos para promover o crescimento da indústria local, escolhendo parceiros internacionais que realmente sejam capazes de aumentar a produtividade e a competitividade do produto nacional. Somos parceiros dos nossos clientes", enfatiza Wilson Borgneth, que prevê um crescimento modesto para 2014, em torno de 5% ainda no primeiro semestre deste ano.
Tópicos:



Comentários