Autopeças: setor revela alta no faturamento

Crescimento foi de 12% sobre o primeiro trimestre de 2012; vendas a montadoras subiram 12,1%

O faturamento real do segmento de autopeças cresceu 4,24% no primeiro trimestre, com aumento nas vendas para montadoras de 12,1% e para reposição, de 4,1%. Nas exportações, porém, a queda foi acentuada, de 28% no acumulado dos três meses. Os números foram divulgados pelo Sindipeças, entidade que reúne fabricantes de componentes para a indústria automobilística.

Também os negócios intrassetoriais (um fabricante de autopeças fornecendo para outro) sofreram retração de 8,6%. Na variação mensal, todos os segmentos apresentaram alta: as vendas para montadoras, de 21,03%; para o mercado de reposição, de 9,61%; exportação, de 6,83%; e intrassetorial, de 11,93%.
 
Esses são resultados de pesquisa mensal realizada com dados de 87 empresas associados ao Sindipeças, que representam 28,6% do faturamento total da indústria de autopeças no Brasil. Clique aqui para ver o estudo completo.



Comentários