Quatro montadoras negociam fábricas no Paraná

Governo diz que VW ampliará produção no estado

 

Quatro fabricantes de veículos estudam instalar suas fábricas no Paraná. A informação é do próprio governador do estado, Beto Richa, que revelou a intenção de quatro empresas – sem citar quais são - durante a solenidade de inauguração da nova fábrica de veículos leves da Renault em São José dos Pinhais (PR), realizada na quarta-feira (20).
 
Acompanhado pelo ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Fernando Pimentel, Richa ponderou que programas de incentivo do estado, como o Paraná Competitivo, tem atraído as empresas interessadas em produzir no Brasil.
 
“A exemplo da Renault, empresas multinacionais têm interesse no Brasil e os programas de incentivo tributários têm sido um grande atrativo para tornar este um estado potencialmente industrial”, disse Richa. 
 
O governante disse ainda que a Volkswagen já indicou que aumentará a capacidade produtiva de sua fábrica, também localizada em São José dos Pinhais. Sem detalhar planos ou prazos sobre as possíveis novas fabricantes paranaenses, o governador apenas deu pistas de que se tratam tanto de empresas entrantes, ou seja, aquelas que ainda não têm nenhuma fábrica no País, quanto àquelas que já têm. 
 
Ele lembrou que a região já tem confirmados projetos de fábricas do setor automotivo e lembrou da Paccar, que está investindo R$ 400 milhões em uma unidade em Ponta Grossa para a produção dos caminhões DAF, e da Caterpillar, que investiu R$ 170 milhões em uma unidade para produzir máquinas de construção.
 
Por sua vez, o ministro Pimentel confirmou que o governo prorrogará o prazo de habilitação das montadoras no Inovar-Auto para até dois meses e indicou que o Inovar-Peças e um programa referente à carros elétricos “estão em estudos”.
 
Por Sueli Reis/ Automotive Business



Comentários