Nissan usará aço mais leve, maleável e resistente

Material reduzirá em até 17% o peso dos carros

A Nissan usará um novo tipo de aço, mais leve, maleável e resistente, na produção tanto dos seus modelos quanto da marca Infiniti. Com a liga metálica, conhecida como AHSS (advanced high tensile strength steel), conta a fabricante, é possível uma redução de até 17% do peso final dos veículos.

O primeiro carro a ser fabricado com esse aço de alta resistência será o sedã esportivo de luxo Infiniti Q50, lançado este ano em Detroit e que será vendido no Brasil a partir do fim do ano que vem. Os veículos Nissan começam a ser produzidos com o novo material a partir de 2017. 
 
Desenvolvimento
O aço AHSS foi desenvolvido pela Nissan em parceria com a Nippon Steel & Sumitomo Metal Corporation e a Kobe Steel. Tem 1,2 GPa (gigapascal - unidade padrão de medição da resistência à tensão), com alta capacidade de moldagem, podendo ser usado na produção de componentes com formatos complexos. Para utilizá-lo não serão necessárias alterações nas linhas de produções. Outra vantagem é o alto índice de elasticidade, o que permite redução na quantidade de material usado para a fabricação de um veículo e, consequentemente, diminuição no custo total de produção. 
 
A Nissan calcula que até 2017 cerca 25% do peso do veículo correponderá à liga metálica. A criação do AHSS é parte do plano ambiental “Nissan Green Program 2016”, que visa a redução, até o final do ano-fiscal 2016, de até 35% nos níveis de consumo de combustível de seus modelos em relação aos níveis de 2005.
Tópicos:



Comentários