por Felipe Fagundes    |   08/09/2021

5 coisas que você precisa saber sobre Trade Finance


Publicidade


Diariamente os empresários brasileiros que realizam negociações com o exterior lidam com inúmeras dificuldades intrínsecas de atuar em mercados internacionais, que implicam em entender riscos de crédito, políticos, legislações internacionais e, diferentes práticas comerciais e, apesar da tendência promissora de recuperação econômica, quando o câmbio entra na jogada, o cenário fica ainda mais desafiador.

Estas características do comércio exterior fazem com que conhecer instrumentos que auxiliem na obtenção de financiamento e ferramentas que permitam superar riscos e colaborar para o desenvolvimento dos negócios de forma segura seja um trunfo decisivo na lucratividade das operações do empresário.

A seguir, você conhecerá um pouco mais sobre as ferramentas de trade finance e como pode ajudar os empresários brasileiros que fazem transações internacionais.

1 - O que é trade finance?

A tradução literal do termo em inglês é "financiamento de comércio" e, na prática estas operações de trade finance são aquelas que financiam o comércio internacional entre exportadores e importadores. “São operações de financiamento que, tendo por base uma operação mercantil internacional, envolvem mais de um país e moedas diferentes”, explica João Costa Pereira, Head of Trade Finance do Banco Ourinvest.

2 - Quem pode usar trade finance?

Todas as empresas que possuam relações comerciais com o exterior podem e devem usar soluções como o trade finance nos seus negócios como ferramenta de apoio em suas operações. Por exemplo, um exportador nacional que envia frutas tropicais para a Europa precisa saber quanto vai receber hoje em reais e, simultaneamente, conceder prazo de pagamento aos seus clientes para viabilizar a negociação. Assim, contratando a solução de exportação do Ourinvest através da Twelve Capital, o cliente assegura e recebe na data atual o valor da exportação a prazo em reais, sem mais preocupações. Dessa forma, resolve simultaneamente o seu problema de caixa, o risco cambial e o risco de crédito porque o banco assume a responsabilidade pela cobrança junto ao importador europeu. O exportador contrata uma solução financeira completa, podendo concentrar-se exclusivamente no funcionamento do seu negócio, deixando as questões financeiras com a Twelve Capital.


Continua depois da publicidade


A mesma lógica vale para o caso de importações. Quando um empresário brasileiro compra mercadorias do exterior e precisa pagar antes de receber os produtos, seja por exigências do fornecedor ou por uma vantagem financeira ao negociar com pagamento à vista, o importador pode se valer da ferramenta de antecipação. “Usando trade finance, esses empresários podem pagar a mercadoria à vista no exterior e, se beneficiar de um prazo maior de pagamento aqui, de acordo com a sua necessidade de caixa. Também podem contratar uma trava de câmbio para não precisarem se preocupar com as oscilações cambiais”, diz João. 

3 - Quais são as operações de trade finance?

Há três modalidades comuns de contratação: ACC (Adiantamento sobre Contrato de Câmbio) e ACE (Adiantamento sobre Cambiais Entregues), que são operações de exportação, e FINIMP (Financiamento à Importação).

ACC - O empresário nacional procura um banco autorizado a operar câmbio (como o Ourinvest, por intermédio da Twelve Capital) e pede um financiamento para a fase de produção ou pré-embarque de mercadorias, mediante aprovação cadastral. 

ACE - Também concede uma antecipação de recebimentos de uma exportação, mas esse valor só é concedido após o embarque das mercadorias para o cliente no exterior. O Banco Ourinvest completa esses produtos oferecidos pela Twelve Capital com serviços adicionais de cobertura de riscos cambiais, riscos de crédito e cobrança internacional em mais de 90 países.

FINIMP - Destinado apenas para o caso das importações, onde o empresário nacional que compra produtos fora do Brasil consegue pagar ao vendedor internacional antes mesmo de receber as mercadorias.
O Banco Ourinvest substitui o cliente brasileiro no pagamento ao fornecedor estrangeiro e dá prazo para o importador aqui, vender os produtos com a opção de travar o câmbio protegendo o cliente de riscos cambiais”, diz João Costa sobre o FINIMP.

4 - Quais são as garantias necessárias para conseguir os financiamentos de exportação e importação?

Tradicionalmente, os bancos exigem garantias como imóveis ou duplicatas para liberar operações de financiamento. No caso das operações de trade finance, o Banco Ourinvest não exige garantias, dando prioridade à qualidade da operação mercantil em análise, deixando o atendimento muito mais próximo da real necessidade do cliente, personalizando ao máximo.

Um dos diferenciais do banco é realizar as operações de trade finance com base na qualidade de crédito dos importadores internacionais, minimizando assim problemas de inadimplência. “Temos parceiros em mais de 90 países, em todos os continentes, que nos ajudam a identificar e partilhar informações de possíveis riscos. Desta forma além de financiarmos, também cobrimos riscos internacionais, viabilizando assim o crescimento das vendas de uma forma segura para os nossos clientes. O exportador preocupa-se em entregar o produto, e o banco preocupa-se com a cobrança”, diz João.

5 - Quais as vantagens de usar trade finance?

A antecipação do dinheiro é normalmente considerada a principal vantagem, mas tendo acesso aos serviços adicionais fornecidos pela Twelve Capital por meio do Banco Ourinvest, o empresário passa a contar com uma ferramenta para enfrentar os mercados internacionais com segurança, focando-se apenas na busca de novas oportunidades de negócio e expansão em novos mercados, assim a Twelve busca se tornar um parceiro facilitador comercial do cliente ao invés de mais uma barreira burocrática na operação dele com o exterior. Afinal, a instituição financia e toma para si os riscos cambiais e de cobrança da operação, depois de realizar as análises internacionais.

Clique aqui para saber mais

As informações e opiniões veiculadas nesse artigo são de responsabilidade exclusiva do autor e não representam a opinião do Grupo CIMM.

Felipe Fagundes

Head Comercial na Twelve Capital


Comentários