Medium_3e2436b
  |   10/08/2017   |   Projeto Descomplicado

Bibliotecas de CAD – Itens comuns em desenhos – Parte 5

Introdução
 
Quando se fala em ambientes de desenho 2D para uma ferramenta como o Catia ou SolidWorks, ninguém quer falar de disso de forma natural, afinal estamos diante do patinho feio dos produtos.

Algumas características da tristeza dos usuários:
Muitas coisas são manuais (tolerâncias e notas de dimensões)
Muitos itens repetitivos (especificações de textos da empresa)
 
Outra bronca dos usuários é que existe a associação de trabalho produtivo ao 3D mas não no layout de folhas com as devidas anotações.
 
Uma luz no fim do túnel
 
Quando fui montando essa série de bibliotecas, me lembrei que muitos não conhecem ou imaginam métodos de absorção de itens reaproveitáveis.
 
O próprio SolidWorks pode reaproveitar diversas coisas no Ambiente de desenho, como:
Tolerâncias especificadas;
Textos previamente desenhados
Blocos com simbologias, logos ou identificações
 
Tudo o que for comum a determinado tipo de trabalho na folha de desenho pode ser armazenado e compartilhado com usuários para que não seja algo complicado a reutilização.
 
Lembro-me em 2006, quando o SolidWorks inovou demonstrando a possibilidade de inserir em seu arquivo de desenho 2D um bloco DWG criado diretamente no AutoCad. Isso se mostrou útil na época para justificar a saída dos usuários da sua antiga ferramenta de projetos para o ambiente do arquivo SLDDRW, o desenho do SolidWorks. Contudo, também pode-se justificar por reconhecer a importância de uma biblioteca de símbolos e notas.
 
Outras da biblioteca 2D
 
A biblioteca para ambientes de desenho tende a ser mais textual, onde pode-se aproveitar textos inteiros ou parciais. Veja um exemplo de reaproveitamento de itens no SolidWorks no ambiente de desenho.
 
 
Qual o problema principal?
 
Normalmente as empresas não visualizam o potencial de cadastrar aceleradores do ambiente de desenho e as tarefas se repetem dia após dia.
 
Ao não ter isso, não existe um cadastro dos itens reaproveitáveis e o projeto permanecerá manual.
 
Sds,
 
Kastner
As informações e opiniões veiculadas nesse artigo são de responsabilidade exclusiva do autor e não representam a opinião do Grupo CIMM.
Tópicos:
3e2436b

Guilherme Alfredo Kastner

Técnico de aplicações da SKA Automação de Engenharias desde setembro de 2004. Trabalhou com diversas Soluções Autodesk, SolidWorks. Nos últimos anos o trabalho tem sido focado na melhoria da comunicação das engenharias com os seus clientes dentro das corporações como a fábrica, administrativo e outros setores.


Mais artigos de Guilherme Alfredo Kastner

Últimas perguntas no fórum

Tire suas dúvidas com a comunidade CIMM

Comentários ()