por Marcos Luiz    |   07/07/2015

A internet das coisas

A tendência do momento é a onda chamada de Internet of Things. Esta que tem como principal conceito a interação por meio da internet, de todo e/ou grande parte dos itens presentes em nosso cotidiano.

Desde os primórdios da humanidade, o descobrimento de inúmeras coisas que facilitaram a vida do ser humano, vem provocando de forma constante uma mudança significativa em nosso cotidiano. Atualmente, vivemos em uma sociedade completamente interada a tecnologia de uma forma geral, seja ela de forma direta ou indireta.

Vivenciamos momentos de descobertas que integram gradativamente o mundo digital com o mundo físico, porém, muitas pessoas desconhecem a infinidade de recursos e a abrangência da ideologia relacionada a mesma.

Durante os 10 últimos anos, a ciência passou a desenvolver métodos e recursos que possibilitam tal integração, mas presume-se que pouco mais de ¾ da população relacionam esses avanços tecnológicos apenas aos bens de consumo mais usuais e desconhecem a minuciosidade do assunto.

A tendência do momento é a onda chamada de Internet of Things. Esta que tem como principal conceito a interação por meio da internet, de todo e/ou grande parte dos itens presentes em nosso cotidiano.

Essa visão futurística (assim como é tachado por grande parte das pessoas) está mais perto de nossa realidade do que possamos imaginar. O aplicativo Waze é um modelo desta nova geração tecnológica, levando em consideração que o mesmo é “alimentado” com informações em tempo real pelos próprios usuários, este que justamente é o conceito de IoT.

Indubitavelmente, o assunto Internet das Coisas vem sendo abordado com mais frequência no mundo business, porém seu potencial está relacionado ao futuro, já que o mercado se mostra receoso com a ideia de conectar tudo e todos numa mesma “plataforma”.

As informações e opiniões veiculadas nesse artigo são de responsabilidade exclusiva do autor e não representam a opinião do Grupo CIMM.

Marcos Luiz

Perfil do autor

Trainee em Engenharia de Aplicações da PTC.


Comentários