Makino lança na EXPOMAFE 2019 o ATHENA, tecnologia de monitoramento das máquinas ativada por voz

Projetado especialmente para conectar máquinas e operadores de modo fácil e eficiente, o software permite a tradução, assimilação e análise dos dados pelo comando de voz

O futuro da manufatura depende de uma melhor interação entre o operador e a máquina. E a Makino dá um passo além no desenvolvimento de soluções que conectam as duas pontas da produção com o ATHENA, software de monitoramento e controle da produção ativado por voz, que estará em demonstração na EXPOMAFE.  “Vencer distâncias físicas e barreiras de acessibilidade são premissas para encurtar o caminho entre o operador e a máquina, permitindo o controle da produção, com o consequente aumento de produtividade. É o primeiro passo para colocar na fábrica na trilha da indústria 4.0”, diz Carlos Eduardo Ibrahim, diretor da Makino Brasil.

A Makino é a primeira empresa a oferecer a tecnologia de conectividade homem-máquina ativada por voz. Ela foi projetada especialmente para usuários de máquinas-ferramenta e facilita a tradução, assimilação e análise do big data. Com poucas palavras e pouco treinamento, operadores de todos os níveis podem instruir facilmente o ATHENA, tendo acesso às informações necessárias para manter a produção eficiente e produtiva, como configurações do setup, instruções e inspeção dos diagramas, diretamente da máquina. Outro benefício do ATHENA é que ele reduz o tempo de treinamento dos novos operadores, que podem começar a utilizar as máquinas Makino VMC, HMC ou EDM com muito mais rapidez.  


Continua depois da publicidade


Interatividade aprimorada com o tempo

A resposta do ATHENA aos usuários é aprimorada ao longo do tempo e aumenta com a interação, expandindo constantemente a capacidade da tecnologia em ajudar o operador. Com ele, é possível configurar e executar a máquina, gerenciar ferramentas, manter ou reparar a máquina e conhecer melhor a máquina e os processos a ela relacionados. Ideal para prestadores de serviço de usinagem, moldes e matrizes, onde há uma grande quantidade de trabalho manual entre o operador e a máquina, como a configuração do setup e a produção em máquinas horizontais, verticais e EDM. Empresas com ciclo de crescimento rápido ou flutuações da força de trabalho podem facilitar a integração de operadores e o pessoal da instalação, usando o ATHENA.

Como funciona

O ATHENA foi projetado como uma opção adicional e pode ser adaptado em qualquer Máquina Makino, nova ou não, com o controle Pro5, Pro6 e Hyper i. A instalação é fácil.  O software já vem instalado em um computador portátil, com fone de ouvido e cabeamento. Pode ser rapidamente instalado e, se necessário, movido de máquina para máquina. A equipe de atendimento da Makino pode ajudar o operador a conversar com o ATHENA em apenas algumas horas.

Na prática, o ATHENA é uma sobreposição ao controle de máquina existente, permitindo que os usuários escolham entre operar por comando de voz ou manualmente. É projetado para funcionar em modo off-line, portanto, sem conexão com a Internet, um problema crítico para as empresas relacionadas a rígidos protocolos de segurança. Essa possibilidade adiciona uma camada de segurança à operação e evita o tempo de atraso entre o comando e a resposta.

A tecnologia ATHENA está disponível na forma de um serviço de assinatura com um custo inicial de software, hardware e instalação. Em troca, os usuários ganham um assistente valioso, que se torna mais inteligente, mais rápido e melhor com o tempo.

Para saber mais sobre o ATHENA, suas vantagens e benefícios, acesse: https://www.makino.com/athena

Sobre a Makino

Líder mundial em centros de usinagem CNC de alta tecnologia, a Makino fornece uma ampla gama de máquinas de corte de metal e máquinas EDM de alta precisão. Suas soluções flexíveis de automação reduzem os custos e aumentam a produtividade em uma variedade de volumes de produção e projetos. A empresa oferece experiência e liderança no desenvolvimento de projetos para as aplicações mais exigentes de todas as indústrias. No Brasil desde fevereiro de 2012, a Makino mantém parceria com o Grupo Bener para representação comercial. 




Comentários